Feliz ano 2017

Feliz ano 2017

28 de junho de 2012

Decorar com bambus e vergas

Olá :)
Como prometido, venho mostrar mais fotos e deixar as informações referentes à minha wc social.
Eu adoro o estilo muito rústico... Aqui em casa trouxe o rústico mas tentei conter-me para não exagerar, até porque tenho um espaço para festas onde aí sim, vou usar e abusar do rústico!
Uma das primeiras escolhas para a casa ficar suave foram as portas num tom claro:

Outra das minhas exigências foi manter o chão igual por toda a casa, sem haver cortes na zona das portas.
Deste modo teria que encontrar azulejo que assentasse que nem uma luva com o chão...
Como não encontrava nada simples como pretendido, tive uma ideia:
Forrar as paredes com o próprio chão :)
Como o chão tem 4 tamanhos diferentes, foi fácil criar uma decoração de parede original sem ficar monótono.

  • Mosaicos: Colecção Toscano Beige da cerâmica Love tiles

Apaixonei-me de imediato por esta barra... Como a barra era super cara, uma edição limitada da Decocer,  
coloquei as barras ao alto para economizar!
Aqui provisoriamente a banheira/trocador, o balde das fraldas e o cesto da roupa suja da minha filhota.
Estas duas barras dividem os mosaicos quadrados dos rectangulares, sendo que os quadrados ficaram na zona dos banhos, e os rectangulares na zona da sanita e lavatório. Nesta parede pequena utilizei os mosaicos pequenos.
Deixei esta pequena janela de forma a entrar luz no interior do duche.
Na minha opinião, numa casa rústica, as louças têm de ser em pergamon... neste caso o modelo era dentro das imitações dos antigos, o mais simples!
  • Sanitários em pergamon da cerâmica Esfinge
O meu encanto por vergas vem de há muito... comprei este balde há 9 anos, ainda eu não imaginava que viesse a construir uma casa... quando os gostos se mantêm, as peças decorativas vêm a ser sempre úteis!
E pela enorme paixão que eu tenho pelas antigas bombas da àgua, escolhi umas torneiras que se assemelham às bombas na cor e no feitio.
  • Torneiras da Marti
 À semelhança do projecto da casa, também este móvel foi desenhado por mim... adoro móveis em madeira de castanho, e apesar da sua cor escura, acho que ficou lindo na casa de banho.
Os cestos de verga continuam à espera que eu os pinte de bege, não gosto de ver o branco!


O puxador condiz perfeitamente com a barra de cerâmica escolhida.
A pedra é Lioz, a pedra utilizada nas casas antigas!
Este vaso foi a última aquisição num stand de vergas numa feira tradicional... 
O meu marido adorou o modelo chamou-me à atenção, e nesse momento lembrei-me que precisava de um vaso para a minha planta de estimação (aquela que não me dá trabalho nenhum e está sempre bonita).  
Ao lado do móvel está um banquinho que fiz para a minha afilhada Bianca conseguir chegar ao lavatório e lavar os dentes em casa da madrinha... daqui a poucos aninhos servirá também para a minha filhota.
Como já é sabido, tenho uma paixão por latas vintage... nem a casa de banho escapa :) A lata "Pharmacie" foi presente da minha mana, e o sabonete é uma recordação dos brindes do meu casamento.
Uma peça com história:
Este frasco que agora uso com flores, foi no tempo dos nossos avós um frasco de soro que se usou nos hospitais... é uma recordação de uma senhora velhota que era muito minha amiga na minha infância.
Esta saboneteira é na minha opinião linda de morrer! 
Foi um miminho da minha amiga Susana Gonçalves (aquela da qual tu já conheces o seu dom para a decoração)!!!
Mais uma peça que eu comprei há muitos anos, e que combina perfeitamente o verde dos bambus com os castanhos das vergas. 

Para finalizer este grande post, o maior de sempre neste cantinho:
May tou be happy always
(Honore de Balzac)

Obrigada por estarem desse lado!

26 de junho de 2012

Casa de banho rústica

Olá amigo(a).
 O tempo por aqui continua muito difícil de esticar...
Mas já consegui fazer umas fotos da minha wc social.
 O tempo para postar no blog também é curtinho...
...deixo umas imagens com a promessa de em breve colocar as fotos e informações sobre a decoração deste espaço!
Um dia feliz para ti!

19 de junho de 2012

Ramo de amaryllis

As amaryllis de grandes e carnosas flores são as protagonistas deste ramo.
As pequenas folhas onduladas da mollucella criam um efeito divertido.

Material:


Preparação:
Intercala na jarra a mollucella e a hera a gosto; Eu aconselho a colocar a hera nas laterais, para cair e dar um ar casual ao ramo.
Por fim coloca os amaryllis.

Dica:
Apanha ou compra os amaryllis fechados, pois as suas pétalas são muito delicadas e podem estragar-se no transporte e/ou ao colocar na jarra.

14 de junho de 2012

Mudanças no corredor

Olá amigos. 
Desculpem a minha ausência!
Após uns dias alucinantes sem tempo quase para dormir, eis que surge finalmente dois dias para relaxar com os meus dois amores.
A correria vai acalmar e em breve vou retomar projectos pendentes, como acabar de decorar o quarto da bebé, embelezar o jardim, terminar presentes, dar uma cara nova ao corredor da casa... entre outros...
Vou começar mesmo pelo corredor... 
Estes dois móveis estão aqui há dois anos e já vinham do meu quarto de solteira.
O que acham de mudar a cor dos móveis para branco decapé e começar a pensar em pintar uns quadros coloridos para as paredes?

11 de junho de 2012

Centro de rosas com maçãs

Suave aroma

Material:

  • Pequenas rosas amarelas;
  • Pequenas maçãs;
  • Ramos de salal;
  • Ramos de hera;
  • Dille;
  • Esponja de florista;
  • Palitos;
  • Jarra baixa.
Preparação:
Crava os ramos verdes na esponja pela ordem que preferires, formando um triângulo;
Coloca as flores do mesmo modo;
Espete um palito em cada maçã e por fim, espeta-os na esponja;
Rega a cada dois dias.

Conselho:
Para o ramo durar mais tempo, põe a esponja um dia dentro de água, com um peso em cima.

4 de junho de 2012

Ramo de antirrhinum

Este ano semeei destas flores no meu jardim, mas já foi um pouco tarde... Se ainda derem flor vai ser uma grande surpresa!

Este ramo enche de frescura qualquer salão, e é tão fácil de fazer:

Material:

  • Antirrhinum;
  • Jarra de vidro de boca larga (para que as flores fiquem apoiadas).

Preparação:
Corta todos os talos à mesma altura (o dobro da altura da jarra);
Dispõe as flores a gosto.

Dica:
Se preferires que o arranjo tenha um aspecto mais esbelto, opta por uma jarra recta e de boca estreita.